Avançar para o conteúdo principal

Novo website do Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida

Um abraço que acolhe todos os leigos e todas as famílias do mundo: é o que o novo logo do Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida, que hoje apresentamos junto ao site completamente renovado, deseja representar.

À esquerda da imagem desenhada, por Anna Formaggio, são os leigos a apoiar a colunata de Bernini que, por sua vez, os reúne - juntamente com algumas famílias - em um abraço. É um povo composto por mulheres, homens, crianças, jovens, idosos e famílias - "simplesmente a imensa maioria do povo de Deus", conforme definido pela Evangelii Gaudium - que constitui a Igreja e, ao mesmo tempo, desfruta da sua proteção materna . É um povo que tem "o sonho missionário de chegar a todos (EG, 31)."
Da colunata e das famílias que o preenchem nasce a vida que no logotipo é representado por um botão que floresce pelas extensões das colunas de São Pedro.
O novo site, além de prestar contas do Dicastério, quer se tornar um aconchegante e familiar para os leigos e as famílias e oferecer a todos a oportunidade de ser ouvido. Então, nós queríamos dar muito espaço para as redes sociais, na nossa esperança, nos permitirá entrar em diálogo com aqueles que têm a boa vontade de nos seguir.
Bem-vindos!

Novo website do Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida

Mensagens populares deste blogue

Papa Francisco recebe em audiência 35 mulheres separadas e divorciadas

Na segunda-feira, 26 de junho, o Papa Francisco recebeu em audiência privada no Vaticano, um grupo de 35 mulheres separadas e divorciadas da Arquidiocese espanhola de Toledo.

Oração de Consoada 2017

Maria de Nazaré, Contigo cantamos as maravilhas de Deus. A tua espera, hoje nos enche de alegria! Com ela aprendemos o prazer de esperar... e por meio dela vivemos agora habitados pelo infinito...
José, filho de David, A tua espera, hoje surpreende-nos... Estamos maravilhados, porque Deus Entra no nossa vida e na nossa história Para nos oferecer a esperança da vida eterna.
Jesus, Deus connosco, O desejo de ti, faz-nos hoje experimentar a tua presença viva, simples e dócil. Sentado à nossa mesa, convives connosco nesta noite E nos interpelas com a tua ternura.
Sagrada família de Nazaré, Neste Natal, faz-nos sair ao encontro Dos rostos concretos daqueles que mais precisam. Não nos deixes acomodar diante desta mesa rica, Mas interpela-nos diante da pobreza e da injustiça.
Deus, Pai nosso, Abençoa-nos e abençoa estes alimentos Que em família reunida tomamos. Mas não nos deixes cair na tentação da indiferença. Dai pão a quem tem fome e fome de justiça a quem tem pão.
Amen!

Um cristão não pode dizer “sou contra homossexuais”

Convém recordar que Jesus Cristo está depois do Antigo Testamento e que, na sua passagem pela terra, deu sempre lugar de destaque às prostitutas, sobretudo a Maria Madalena. E, já agora, não será Mateus 19:12 uma aceitação da naturalidade da homossexualidade? “Alguns eunucos são assim porque nasceram assim”.