Avançar para o conteúdo principal

Um minuto pela paz...

Papa Francisco falou ao final audiência geral desta quarta-feira da iniciativa «Um minuto pela paz», a ser realizada esta quinta-feira, 8 de junho.


“Amanhã, às 13 horas, renova-se em diversos países a iniciativa ‘Um minuto pela paz’, isto é, um pequeno momento de oração na recorrência do encontro no Vaticano entre eu, o falecido Presidente israelense Peres e o Presidente palestino Abbas. Em nosso tempo, há tanta necessidade de rezar – cristãos, judeus e muçulmanos – pela paz”.

A data recorda o terceiro aniversário do encontro convocado pelo papa Francisco e realizado em 8 de junho de 2014 no Vaticano, que reuniu o Patriarca Bartolomeu; o falecido presidentes de Israel, Shimon Peres; e da Palestina, Abu Mazen.

A iniciativa é apoiada em nível internacional também pelo Fórum Internacional da Ação Católica (FIAC) e pela União Mundial das Organizações Femininas Católicas (UMOFC), e será feita em vários países.

O convite è que todos interrompam às 13 horas por um minuto suas atividades cotidianas, para rezar pela paz no mundo, cada um na própria tradição religiosa, em família, na escola, no local de trabalho, o onde for possível recolher-se brevemente em silêncio.

Mensagens populares deste blogue

Conselhos do Papa Francisco para ir à Missa com crianças

Choros ou gritos das crianças podem atrapalhar, mas a comunidade deve incentivar a participação de toda família.
“Chata!” Respondi à minha avó quando me perguntou sobre o que eu havia achado da Missa. Na época, eu tinha uns seis anos. E olha que cresci em uma família católica, frequentando Missas e catequeses! Recordo que ir à Missa, muitas vezes, representava uma soneca durante a  homilia, pipocas doces e coloridas ou sorvete no fim. Confesso que minha participação não era exemplar, porém, creio que essa liberdade na participação foi ajudando a semear a fé em meu coração e em minha mente.

A mulher é quem dá harmonia ao mundo, não está aqui para lavar louça

O Pontífice indicou que é necessário evitar se referir à mulher falando somente sobre a função que realiza na sociedade ou em uma instituição, sem levar em consideração que a mulher, na humanidade, realiza uma missão que vai além e que nenhum homem pode oferecer: “O homem não traz harmonia: é ela. É ela que traz a harmonia, que nos ensina a acariciar, a amar com ternura e que faz do mundo uma coisa bela”. Em sua reflexão sobre a Criação, a partir da leitura do Livro do Gênesis, o Papa Francisco se referiu ao papel da mulher na humanidade.

Oração de ação de graças a Deus pelo dom da Família -